Entrevista com Duas Casas e o lançamento de seu primeiro clipe

Entrevistamos o dueto folk Duas Casas, formado por Nô Stopa e Bezão. Falamos sobre as influências na hora de criar o projeto e os planos futuros da dupla. 

17457642_401796870213012_1349092223347393666_n.jpg

IDK – Como foi o start do projeto Duas casas?
Foi um reencontro de almas. A gente se conheceu em 2015 com o Folk na Kombi convidando a pra participar de um show. Em um mês a parceria começou e depois de um ano e muitas composições juntos, percebemos naturalmente que já éramos um duo com repertório criado e pronto pra gravar, assim nasceu o Duas Casas.

IDK – Deve estar lá é a música de trabalho. Qual o ponto de partida para compor?Em dupla tudo fica mais fácil ou não? rs
Não temos uma fórmula, pode ser juntos, pelo whatsapp, telefone e até em sonho a gente já compôs. “Deve Estar Lá” foi assim: A sonhou com uma frase que, por “coincidência”, era o refrão do sonho que o Bezão teve na mesma noite! Rs!
Compor em dupla, nesse caso, é muito fluido, um ping-pong de ideias que se completam sem melindres ou julgamentos.

IDK – Duas casas traz influências dos projetos em que vocês atuam ou é um trabalho totalmente inédito?
Somos um duo folk que traz a trajetória de cada um na bagagem, entre outras influências.
: Eu tenho a música folk na genética e bebo muito da convivência com artistas folk da minha geração.
Bezão: Faço folk há 19 anos e sou do Folk na Kombi que está em plena atividade, prestes a lançar seu segundo DVD.
Mas o nome do projeto retrata bem o que somos, a soma de dois universos particulares que resulta numa identidade única e inédita.

IDK – Bezão, teremos a chance de ver o Rossa Nova nos palcos outra vez?
Bezão
: Brinco que o Rossa Nova deu um tempo dos palcos pra “reprodução” rs, uma vez que os três tiveram filhos (Os Rossinhas). No fim do ano passado, fizemos um reencontro no “Ao Vivo Music” para matar a saudade e foi muito bom dividir o palco com amigos da vida. Tenho tatuado o Rossa na pele e no coração, então, mais do Rossa nos palcos, é só uma questão de tempo.

IDK – Nô, posso afirmar que você é uma artista completa. Desenvolve trabalhos como cantora, compositora, atriz e artista circense. A dedicação maior pela música é devido à herança musical do seu pai, Zé Geraldo, ou essa é a vertente que mais você se identifica?
Nô:
Gosto muito e me divirto com todas essas linguagens, mas na música é onde me sinto mais em casa para me expressar, faço malabares com as palavras e tiro a rima pra dançar.

IDK – Podemos esperar uma ‘‘tour’’ de Nô Stopa e Bezão?
Sim! Aguardem por muitas surpresas do Duas Casas em 2017. Acabamos de lançar nosso primeiro single/clipe “Deve Estar Lá” e em maio lançaremos três singles nas plataformas digitais, como um aquecimento e preparação pro lançamento do disco, que deve ser no segundo semestre.

Segue o link do clipe no Youtube:

 

Um comentário em “Entrevista com Duas Casas e o lançamento de seu primeiro clipe

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s